A barraca Guarderia Brasil, na Praia do Futuro, em Fortaleza, ficou pequena para tantos convidados que compareceram ao lançamento do Festival das Emoções, na noite desta quinta-feira (19). A capital alencarina será o ponto de partida para o rali, no dia 26 e 27 de janeiro, quando acontecem as vistorias, os briefings e a largada promocional. Autoridades, competidores, presidentes de federações esportiva e imprensa compareceram e assistiram ao vídeo sobre como funcionará toda a mega estrutura do evento.

O diretor geral do Cerapió, Ehrlich Cordão, deu as boas vindas e agradeceu a presença dos convidados e depois fez a apresentação no telão, onde foi apresentado um vídeo promocional da edição dos 27 anos do maior rali de regularidade das Américas. Cordão falou de uma das inovações da prova, a categoria Mototurismo, que terá um roteiro paralelo por pequenas trilhas e pelo asfalto, bem como acrescentou que os inscritos nessa categorias das motos ficarão integrados às demais modalidades, nas cidades de pernoite. Falou ainda da chegada final do evento, em Barreirinhas, no Maranhão, com dia livre e a premiação com muita confraternização, no dia seguinte após o término da prova, ou seja, dia 1º de fevereiro. O Cerapió terá quatro dias oficiais de competição, de 28 a 31 de janeiro, e valerá pelos campeonatos brasileiros de carro 4x4 (CBA) e de quadriciclos e motos (CBM).

O coordenador de promoção de eventos da Secretaria de Turismo de Fortaleza, Erick Vasconcelos, ficou impressionado com as apresentações e disse que atualmente a SETFOR atua exatamente no turismo de eventos e, portanto, considera a iniciativa louvável. “A gente tem comprovado que o turista que participa de eventos aqui na cidade é maior consumidor, por isso o turismo de lazer ou turismo de eventos, como negócios ou esportivos nos interessa e temos fomentado apoios nesse sentido. No caso do Rally Cerapió sabemos da sua importância pela repercussão que tem entre os participantes e admiradores deste evento, que certamente divulga positivamente nosso estado e outras regiões”, destacou.

O atleta de ciclismo de Fortaleza, José Ribeiro, o Zezinho, participa do Cerapió – Piocerá desde 2001, quando a Radical Produções inseriu definitivamente o Rally de Bike (MTB) e já confirmou presença no evento, mais uma vez. “Sou atleta há mais de 30 anos e sou apaixonado pelas pessoas que fazem e que participam do rali, por isso não pretendo abandonar nunca esse evento e quando não puder mais ir competindo irei fazendo apoio”, disse o atleta, bem humorado.

O evento contou ainda com a presença de muitas equipes de destaque tanto das motos, quanto de carros 4x4, modalidades consagradas no rali. Entre as feras Kyssih Robert Oliveira, que participará na categoria carro 4x4 turismo, Fábio Machado, que está decidindo se vai participar de carro 4x4 ou UTV e faz parte da forte Equipe Cearense de Rally, que terá seis veículos na prova. “Já tenho títulos no Piocerá deste ano, um quinto lugar, e tenho treinado para fazer uma boa participação no Cerapió”, disse.

 

O chefe da equipe de motos CV Racing, Cláudio Vieira, informou que devam participar cerca de 20 pilotos na equipe. “Estamos nos preparando para ter uma boa estrutura na prova e bons resultados. Esse rali já faz parte do nosso calendário e estar presente, encontrando pessoas de todo Brasil e até do exterior, é uma grande honra para nós. Quremos representar com força o nosso estado”, disse.

 

Márcia Cristina
aldeiapi@uol.com.br

Notícias mais recentes

26/01/2019
Carros, Quadriciclos e UTVs têm campeões determinados e cautelosos no Rally Piocerá 2019
26/01/2019
Campeões das Motos no Rally Piocerá 2019 são definidos após disputas ponto a ponto
26/01/2019
Confira os campeões das Bikes no Piocerá 2019
24/01/2019
Penúltimo dia dos Carros, Quadriciclos e UTVs testa habilidade e resistência dos participantes do Rally Piocerá 2019
24/01/2019
Prova mista destaca percurso das Motos no dia mais longo do Rally Piocerá 2019