Paulo Goes está focado e quer repetir a dose sendo campeão na categoria Master. "Não consigo viver sem rallys", diz o piloto catarinense que tem sete anos de off-road e apenas dois Cerapió / Piocerá. Para 2018, ele garante estar mais experiente e confiante, uma vez que já se familiarizou com o terreno, relevo e clima nordestino. 

Na edição comemorativa dos 30 anos de Piocerá, Paulo Goes foi campeão na categoria carros ao lado do navegador Jonathan Ardigo. O amor pelo off-road tem se tornado cada vez mais intenso e para ele participar do Cerapió representa um momento de confraternização ao lado de amigos que tem feito nos estados do Ceará e Piauí. 

"Comecei a andar em 2010. São sete anos de rally e, para mim, isso é um vício. Hoje, não consigo mais viver sem essas provas. Minha vida chega a ser programada em cima dos calendários dos rally", assegura o campeão de 2017. 

Mas nem tudo são flores para Paulo Goes. Sua estreia no Cerapió, em 2016, foi marcada por imprevistos. Ele não esperava que um simples coqueiro fosse capaz de acabar com a felicidade e continuar participando da prova. 

"Na primeira edição que participei acabei  batendo em um coqueiro, numa plantação com mais de 100 mil pés de banana e um único coqueiro. Falando assim parece até comédia, mas foi exatamente isso. Meu navegador cantou atrasado para eu entrar numa curva e acabei indo em direção ao bananal, derrubei ainda dois pés e o teceiro lá estava um coqueiro", relembra o piloto. 

Paulo Goes é presença confirmada no Cerapió 2018, que acontece entre os 23 e 27 de janeiro. As inscrições continuam abertas no site oficila do rally (www.cerapio.com.br). 

Notícias mais recentes

10/05/2019
Rally Cerapió 2020 abre inscrições nesta sexta-feira (10/5)
31/01/2019
Rally Piocerá 2019 - Mais uma edição de sucesso!
30/01/2019
Ações sociais marcam também Rally Piocerá 2019
26/01/2019
Carros, Quadriciclos e UTVs têm campeões determinados e cautelosos no Rally Piocerá 2019
26/01/2019
Campeões das Motos no Rally Piocerá 2019 são definidos após disputas ponto a ponto